You are here
Home > Análises e Opiniões > Líbia: situação e perpectivas

Líbia: situação e perpectivas

Na Líbia, existe agora o medo da intervenção turca no conflito entre o governo de Fayez al-Sarraj e o homem forte do leste da Líbia, o marechal de campo Haftar. O parlamento turco autorizou na quinta-feira o presidente Recep Tayyip Erdogan a enviar o exército para a Líbia para apoiar o governo em Trípoli. Nesta sexta-feira, o presidente francês ligou diretamente para seu colega turco.

A Líbia já é palco de uma luta de poder entre, por um lado, a Turquia e o Catar, que apóiam o governo de Trípoli, e, por outro lado, a Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos e o Egito, que apoiar as forças do marechal Haftar. Forças ao lado das quais os mercenários russos também lutariam, disse o enviado especial da ONU para a Líbia – assim como a Turquia – apesar das negações de Moscou.

A ONU diz que desde o início da ofensiva do marechal Haftar em abril passado, 146 mil líbios foram deslocados e mais de 280 civis e 2.000 combatentes foram mortos.

José Augusto Morais de Andrade Júnior
José Augusto Morais de Andrade Júnior
Doutorando e Mestre em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Administração das Organizações da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, na Universidade de São Paulo (USP). Com MBA em Gestão das Organizações pela USP e Bacharelado em Administração pela FEARP - USP. Tem diversos trabalhos de pesquisa publicados na área de finanças empíricas, com foco em análise de séries temporais baseada em técnicas oriundas da teoria do caos, bem como consultoria empresarial utilizando modelagem estatística avançada.
http://lattes.cnpq.br/9031677682197132

Deixe uma resposta

Top